domingo, 23 de janeiro de 2011

Snowboard

Sempre tive o sonho, nunca a oportunidade. Entretanto, na última semana tive a oportunidade de aprender a surfar na neve duas vezes, oportunidades devidamente aproveitadas. Uma das melhores experiências da minha vida. Inesquecível.
Quando chegamos lá vimos aquela montanha enorme, coberta de neve e, como a Fe descreveu, milhares de formiguinhas descendo. Realmente parece um formigueiro branco. Ao pegar os equipamentos todos, começamos a ficar nervosos e aquele friozinho na barriga chega sem ajudar muito. Na minha primeira vez eu caí muito, me machuquei, muitos hematomas para contar história. Na segunda vez, já mais segura e acostumada com a prancha presa aos pés, consegui descer melhor, desviar de obstáculos sem ter que me jogar no chão pra não esbarrar em alguém. Por últmo desci em uma pista mais alta e mais inclinada, foi mais difícil, mas ali eu vi que já pequei jeito na coisa, só falta praticar. Foi demais.
As vezes eu sinto que nasci no lugar errado, ou talvez seja o sangue alemão falando um pouco mais forte. Mas adoro esportes de inverno, patinação, snowboarding e tenho certeza que ia adorar esquiar também. Adoro a neve e tudo isso, não me importo de ficar presa em casa, já que cada vez que olho pra rua fico lá, minuto após minuto, observando o branquinho everywhere. Nascendo no lugar errado ou não, eu sei a onde pertenso e pra lá eu volto em pouco tempo. Porto Alegre que me aguarde, pois assim como amo gelo, amo água e aquele Guaibão lindo.
Snowboard, se eu conseguir, ainda irei pra Argentina ou Chile fazer, ouvi falar que tem uma montanha em São Paulo também. Vamos pesquisar. Admito que está difícil de dizer adeus, mas vou transformar isso em um até logo para ver se facilita. Mas uma coisa eu garanto, muito mais fácil vir do que voltar. E como eu disse, Porto Alegre que me aguarde!


Ps: No post anterior eu não quis falar que não gosto de seguidores, como a minha mãe mesma disse, usando as palavras dela, eu amo os meu seguidores. O que quis dizer é que o número de seguidores não é o número de leitores de um blog e que pedir para seguir me deixa louca. haha. Tudo bem se pedem pra eu dar uma passadinha no blog de alguém, se eu gostar, eu sigo. Se eu não curtir muito, eu deixo quieto. Mas sigam-me, sigam-me!! hehehe. bjosmesegue! =)

topo de uma das pistas, vista de tirar o fôlego.




Um comentário:

Ocorreu um erro neste gadget